AV. MÔNICA DANTAS, 34, CENTRO MACAÍBA-RN
(84) 3271- 6518
ouvidoria@prefeiturademacaiba.com.br
Home   Prefeitura

A Prefeitura de Macaíba está reestruturando os postos de saúde da rede municipal com uma série de novos equipamentos. Dentre eles, destacam-se os novos consultórios odontológicos. As primeiras unidades a receberem esses consultórios são: Campo Santo (Bairro Alfredo Mesquita) e Campinas.

 

Vale ressaltar que o município de Macaíba é referência em saúde bucal no Rio Grande do Norte e faz parte do programa Brasil Sorridente, o qual tem a meta de providenciar o acesso à saúde bucal para a população em geral, proporcionando medidas de promoção, prevenção e recuperação. A cidade dispõe de dois centros especializados na área de odontologia.

 

O primeiro é o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), fundado em julho de 2006, na segunda gestão do prefeito Fernando Cunha. Classificado como porte tipo II, o estabelecimento atualmente conta com vários consultórios e com estrutura física própria, salas climatizadas, hall de espera com cadeiras acolchoadas, recepção, laboratório de prótese, almoxarifado, sala de esterilização e expurgo, internet. Conta também com acessibilidade para pacientes com necessidades especiais.

 

O segundo é o Pronto Atendimento (PA) odontológico. Fundado em 2004, durante a primeira gestão do prefeito Fernando Cunha, o PA funciona durante todos os dias da semana, incluindo domingos e feriados, no horário das 7h até às 19h. Os procedimentos oferecidos são os mais diversos, do ambulatório ao atendimento de urgência, quem procura o Pronto Atendimento pode contar com serviços de restauração, serviços básicos, extração, limpeza, hemorragias, fraturas, entre outros.

 

O novo consultório da unidade de saúde do Campo Santo já está sendo instalado e irá agilizar o atendimento dos usuários. “Vai melhorar muito, esse que chegou é bem mais moderno. Tô vendo agora e aprovei”, disse a senhora Lúcia da Cruz, residente na Rua Dinarte Mariz. “Agora, eu acho que vai melhorar, quando uma coisa funciona, eu digo”, opinou a senhora Maria Lucimar de Souza, que também reside na Dinarte Mariz.

 

Texto: Andry Morais

Foto: Márcio Lucas

ASSECOM-PMM